[ busca ] [ b / mod / d ] [ cri / mu / lit / comp ] [ tv / an / jo / occult / k ] [ porn / tr ] [ tudo / banlist / arquivo ] [ regras / faq / biblioteca ]

/occult/ - Ocultismo

Nome
E-mail
Assunto
Comentar
Arquivo
Inserir
Senha (Para excluir arquivos)

Frequentem as boards secundárias.
Chequem o catálogo antes de postar.
Visitem a Biblioteca do Real

File: 1568239694939.jpg (24,57 KB, 337x500, ian-curtis-790997.jpg) ImgOps Exif Google

 No.87

Anões, já faz uns dois anos que eu vi e ouvi OVNIs sobrevoando minha casa, que ficava numa região isolada. Desde então, mergulhei no famoso "turismo espiritual", passando por tudo (budismo, new age, hare krishna, espiritismo, cristianismo, magia e luciferianismo) mas não fui muito longe em nada. Fiz muitos sigilos, a maioria não funcionou; tentei viagem astral, nunca aconteceu; meditação quase me deixou paranóico e apático. Desde criança eu nunca acreditei realmente que Deus era bom, na verdade até odiava ele quando eu tinha 7 anos por ter me feito nascer. Hoje me sinto uma grande alma aforma, sem caráter, não acredito em nada, não consigo acreditar em nada, não me sinto nem bom nem mau, chego a duvidar se eu realmente vi OVNIS de verdade. Por isso quero que me digam:

> Existe outra realidade para além disso aqui, vida eterna?

> Se eu me suicidasse eu poderia escolher o não-ser (como o Caio Fábio fala) ou estou condenado a viver eternamente?
> Reencarnação é uma sacanagem divina?
> O que eu devo fazer nessa vida?
e o mais importante
> Podem me indicar algum exercício, algum experimento, algo que possa provar tudo isso?

 No.89

>>87
> Hoje me sinto uma grande alma aforma
Corrigindo: amorfa*

 No.90

Não sei se você quer realmente mudar de situação, mas por você aparentar estar desesperado eu estou fazendo esse post. Anão, eu já fui católico, ateu, agnóstico e hoje me considero apenas um cristão que estuda esoterismo e gnosticismo (o verdadeiro). Os piores dias da minha vida foram quando a minha fé em Deus era inexistente. A minha vida só começou a mudar verdadeiramente quando voltei a ter fé e buscar a Deus. Nenhuma escola esotérica, ideologia política, intelectualismos, ou igreja vai te dar a iluminação e paz que você quer. Somente a busca interior por Deus e o estudo e prática do gnosticismo de Jesus Cristo é que podem realmente nos transformar. Através dos livros do Venerável Mestre Samael Aun Weor e do seu único encarregado de dar prosseguimento ao Movimento Gnóstico Cristão, o V.M. Rabolú, você poderá se desenvolver espiritualmente e até obter evidências concretas na vida física de que não é charlatanismo. As minhas primeiras provas que pude ter foi com relação a aprender a interpretar sonhos e ver como a realidade que vivemos se identifica com o que a gente sonha e com os significados que estão em um desses pdfs. De todos esses pdfs, o mais importante ao meu ver é o Tratado de Psicologia Revolucionária.

Porém, você deve ter cuidado ao pesquisar pelo gnosticismo do Samael porque a grande maioria dos que se dizem gnósticos são infiltrados, ou iniciados que se desviaram do caminho e foram para a magia negra. nenhuma Igreja Gnóstica que você possa ver na internet é verdadeira.

https://pt.wikipedia.org/wiki/Samael_Aun_Weor

>pdf do introdução a gnose


https://www.dropbox.com/s/tt3ub7tk3s2r2bq/Introducao_a_Gnose.zip?dl=0

>pdf do tratado de psicologia revolucionária


https://www.dropbox.com/s/hoav1ghj3xqgl0q/Tratado_de_Psicologia_Revolucionaria.zip?dl=0

>pdf do significado oculto dos sonhos


https://www.dropbox.com/s/mizeuqhu96x7vfn/O%20Significado%20Oculto%20dos%20Sonhos%20-.pdf?dl=0

>pdf do organizações pseudognósticas


https://www.dropbox.com/s/n5pew02xr3hhh7w/organizacoespseudognosticas.pdf?dl=0

>pdf ciência gnóstica

https://www.dropbox.com/s/b5i9cp1skef9hh4/CIENCIA-GNOSTICA.pdf?dl=0

 No.91

>>90

Muito obrigado por responder! Sim, é verdade que estou meio desesperado e também pode ser que eu realmente não queira mudar. O fato é que eu fiz todas aquelas perguntas porque estou confuso com a vida e gostaria de saber o que diabos é esse mundo, se é só matéria desprovida de significado ou se é um biombo de aparências que esconde uma outra realidade, do espírito (se é que há espírito). Quanto ao autor que você indicou, Samael Aun Weor, eu já o conheci. Ano passado li uma "Apostila de Auto-conhecimento" do site <divinaciencia.com> e fiquei satisfeito com as explicações e os preceitos ensinados, apesar de vê-los com ceticismo. Por isso não prossegui na prática e hoje me encontro nessa situação, infelizmente. Mas prometo que lerei os livros enviados, anão, de coração aberto, ansiando por esclarecimento e disposto a pôr isso à prova.

 No.93

>>91
Lhe desejo paz, anão. O primeiro passo para mudar é querer. Entretanto, lembre-se que apenas ler não adianta. Deve-se colocar algum esforço na prática, aprender a enxergar além e ter paciência. Para falar mais um pouco sobre mim e de como evolui como ser humano com o gnosticismo, lhe digo que por toda a vida fui um desequilibrado emocional que se enfurecia por bobagens e tinha muita dificuldade de se acalmar. Também já fui bastante procrastinador e já fui degenerado. Eu era viciado em pornografia, se masturbava semanalmente, vivia tendo dificuldade para controlar a luxúria no dia a dia e se identificava com os tantos problemas da vida, tendo com isso emoções negativas.

Eu via que essas coisas não davam certo, mas como a grande maioria das pessoas, eu era um escravo dos defeitos psicológicos. A mera vontade de mudar mostra que não somos os nossos defeitos. Após a revolução interior, hoje eu tenho um controle muito maior sobre a vida e venci muitos desses defeitos e vícios, mas o melhor de tudo é o vazio ter ido embora. Espero que consiga perceber o que eu percebi, que consiga desenvolver a fé e ver que tudo tem lógica e que nosso real ser não é essa carcaça física. Temos nossa parcela de culpa, mas você, eu e muitos outros em todo o mundo fomos vítimas das enganações que fazem há muito tempo para desviar e corromper a humanidade. Cabe a nós, tendo percebido coisas como essa, buscar o caminho.

 No.113

Busque Marcelo Marins.

 No.205

File: 1574291582635.jpg (890,09 KB, 1500x1499, 12345.jpg) ImgOps Exif Google

Antes de qualquer coisa, devo mandar o clichê básico: você mesmo encontrará as respostas certas. Also, se a meditação te fez mal é por que provavelmente não fizeste conforme o teu próprio ritmo. Desorientado na sua busca desenfreada, tentou replicar métodos de terceiros ou forçou a barra além da conta.

> Existe outra realidade para além disso aqui, vida eterna?


Sim. A primeira evidência disto está na sua própria psique. O inconsciente humano parece não assimilar a morte como o fim último, segundo investigações de C.G. Jung. No caso, o corpo teme a morte pois sabe que será aniquilado…a resposta a isso vem com o mais rudimentar dos instintos. Não confundir vida eterna com vida imutável e permanente. A vida é eterna em toda parte, mas ela se manifesta das mais diversas formas. Sobre a realidade além, tive provas concretas disto. Se não tiver sido real, sou esquizofrênico. Se eu for, tudo bem, sou um esquizofrênico pouco problemático pelo que vejo.

>Se eu me suicidasse eu poderia escolher o não-ser (como o Caio Fábio fala) ou estou condenado a viver eternamente?


Se você se suicidasse seria jogado aonde fosse necessário, pois obviamente não soubera fazer nem ao menos a escolha mais básica de todas, que é permanecer vivo. Não creio que há direito de escolha para um espírito suicida. O suicídio é puro delírio…não se pode interromper o curso da vida e da morte. Entenda a vida e o corpo como presentes para o seu desenvolvimento. Dói, mas não seja um viadinho, aguente a dor e busque a paz.

> Reencarnação é uma sacanagem divina?


Pode ser, mas é uma sacanagem necessária. Bom, toda a determinação divina será sacanagem se agirmos como crianças ingratas. Podemos vê-la como uma bênção, uma oportunidade de crescimento, ou como uma brincadeira sádica. No final das contas, a lei de Deus existe e nós tocamos o barco dentro de suas possibilidades. Se é uma bênção ou uma bosta, depende da tua visão.

> O que eu devo fazer nessa vida?


Esta é bem difícil, mas posso dar uma dica. Cultive o amor consigo mesmo. O amor basta. O resto é detalhe. Utilizo esta ideia para me tranquilizar diante da ansiedade que é viver em eterna dúvida.

> Podem me indicar algum exercício, algum experimento, algo que possa provar tudo isso?


Se está desesperado para encontrar, para provar esta existência maior, consagre ayahuasca. Estive numa situação parecida com a sua, fiz isto e hoje estou renovado e me sinto mais consciente. Recomendo fortemente. Se não quiser um método tão direto, pratique Imaginação Ativa. Exerça a intuição e a criatividade.

 No.219

Me identifico um pouco com o OP quanto a estar um pouco perdido no meio espiritual e não saber no que acreditar mas eu acredito que haja o mundo astral e outros planos de existências assim como entidades que seriam muito superiores a nós e a nossa compreensão, porém tenho uma certa dificuldade quanto a definir o que seria Deus, eu não consigo conceber essa ideia, uma das definições que mais chegaram perto para mim seria a do Caiballion relacionada ao Panteísmo, de que Deus seria o Todo. Atualmente eu ando lendo o Livro dos Espíritos, acredito mais na ideia de encarnação e na existência dos espíritos mas não na definição de Deus proposta no livro.



>>205
Para você a reencarnação seria um processo "forçado" ou escolhido pelo seu espirito para obter evolução espiritual?

Eu já estive totalmente perdido como o OP sem acreditar em nada, o que me tirou disso foram duas experiências que tive com a Ayahuasca, me fez acreditar em algo mas ainda me encontro um pouco perdido, na minha 2º experiência eu tive um espécie de surto, foi bem intenso e tiveram que me isolar em um quarto mas uma das experiências que eu passei naquela noite foi relacionada a encarnação, era como se tivesse me visto encarnando inúmeras vezes e queria que aquilo parasse, mas como estava vendo tudo pelo ponto de vista dessa encarnação eu queria voltar para cá pelo amor que tenho aos meus familiares dessa encarnação, foi algo bem confuso, uma peia brava como eles dizem. Essa experiência me deixou totalmente louco enquanto a bebida fazia efeito e acho que quase chegou a desenvolver uma esquizofrenia em mim. É preciso ter um pouco de cuidado antes de consagrar a Ayahuasca e não é recomendado para quem faz uso de medicamentos relacionados a depressão ou então tem algum tendencia a desenvolver esquizofrenia.

Já faz mais de 1 ano que tive essa experiência e durante um bom tempo ainda pensava naquilo todos os dias mas não consegui chegar a uma conclusão sobre o significado de tudo que vivi naquele dia, é como se estivesse além da minha compreensão.

 No.220

File: 1575720655042.jpg (320,37 KB, 809x1000, Grey-NatureOfMind-4.jpg) ImgOps Exif Google

>>219

>Para você a reencarnação seria um processo "forçado" ou escolhido pelo seu espírito para obter evolução espiritual?


Creio que a reencarnação é um processo transitório natural. A vontade humana, na trama cósmica, surge tardiamente…antes era o vazio, o caos, talvez a inexistência (tendo como referência o que consideramos como existência concreta). Temos muito em conta a questão da vontade, como se tudo o que existisse fora dela fosse forçado. Quer dizer, será que há um consenso geral no funcionamento do universo? Acho que sim, em um nível genésico/originário ou mitológico. No nascimento do Universo, talvez. Pode ser que todos os seres existentes tenham vivido em comunhão dentro do Todo (Deus), e o próprio Pai voluntariamente expeliu esses fragmentos divinos pelo Cosmos, afim de que estes fragmentos se tornassem autoconscientes. É uma ideia. É bem certo que tudo está submetido a leis e algumas delas são absolutas e irrevogáveis. Na Terra há a realidade da reencarnação. Neste "pequeno" nível de existência, nesta fase de desenvolvimento da alma. Creio que existam outros planetas com outros propósitos, e que há orbes muito semelhantes à Terra. Neste ponto sou relativamente favorável à doutrina espírita. Espíritos que se encontram sintonizados com a problemática da inconsciência e do aferramento à matéria, que necessitam desta experiência difícil, sem conexão clara com as forças celestiais, submetidos a uma maré coletiva filha da puta, depressão e o caralho, encarnam nesse planeta. Apenas o seu próprio Espírito sabe a hora de sair desse ciclo. Nem ao menos sabemos ouvir o nosso Espírito. A questão, portanto, não é se este é um processo forçado ou não. Se todas as nossas vontades fossem atendidas, se todas as aspirações de todos os seres sencientes fossem alcançadas não haveria ordem em nada. Nem propósito. Não haveria crescimento, jornada. Haveria uma esfera rarefeita de luz, em que tudo é perfeito. Este movimento cósmico de expansão gera a fragmentação da vontade, a existência, a complexidade. Estamos em um ponto. Não, não podemos dar "skip" nesse ponto, temos que vencer os desafios. Também não creio que vamos nos tornar seres angélicos luminosos após essa transcendência. Creio que vamos nos tornar conscientes de outras formas, em experiências mais sutis e maravilhosas, em outros planetas e em encarnações menos "escravizantes" que esta, e assim evolutivamente, gradativamente. Mas pense só na quantidade de mistérios, portais e símbolos desconhecidos que existem neste nosso plano. Ainda há muito a ser vivido na natureza terrestre.

>Ayahuasca


Complicado falar sobre ela, anão. Realmente muito complexo, muito além da nossa compreensão (e capacidade cognitiva, kek). Me tirou da merda e me jogou numa trama anímica/espiritual que durou anos. Saí deste processo muito fortalecido, mas com certos efeitos colaterais muito parecidos com estes que relatou…ela te tira do estado de normalidade psicológica. Essa normalidade é pura ilusão, mas tudo o que habita no mundo é pura ilusão…então como proceder? Tem que haver uma escolha séria, especialmente se você tem propensão a sair da casinha.

1. Ou você entra de cabeça no mundo simbólico da alma e do processo espiritual, tornando-se um psicótico, como se considera na psiquiatria/psicanálise, designando pessoas que não vivem num estado mental convencional, p.e. um xamã que tenta viver uma vida de wageslave para no sanatório, por isso este precisa se alienar de certas convenções sociais e viver no meio do fodendo mato;

2. Faça psicoterapia, tente reestruturar seu ego e se adaptar novamente às condições normais.

A Ayahuasca não abre a gaveta com os escorpiões, como ocorre numa análise psicológica. Ela arromba os portões do seu inferno pessoal com um dropkick cósmico. É lógico que isso traumatiza. Mas o ponto dela é exatamente te enlouquecer, te fragmentar em mil pedaços e depois te reunir de forma mais perfeita. Fazer esta União interna. Mas é claro que a luz e os primores divinos vêm na mesma medida, e é nesses tesouros que se deve focar 100% do tempo numa experiência espiritual. É o seu alvo, o resto é tão somente necessário, o fogo purificador. Nem todos têm capacidade pra completar esse processo. Eu não tive, precisei dar uma pausa de um ano e meio, kek. Estou voltando a consagrá-la neste dia de hoje!

 No.221

File: 1576368080137.png (192,85 KB, 1481x1119, FUUUUU.png) ImgOps Google

Meu avô já viu uma nave extraterrestre sobrevoando uma feira a uns 15 metros. Era um objeto enorme, parecia um prédio deitado em tamanho, pontiagudo. Só ele e mais um mudo viram. Ele apareceu do nada. Saiu por uma 'cortina', como meu avô disse, em que pela fresta ouvia-se barulho como no de uma festa. O mudo ficou apontando para o céu e gesticulando para o meu avô. Ele só avistou o danado por causa do som quase incrível de milhões de moscas o qual o meu avô presume vir do motor.

O mais engraçado é que o velho nunca gostou de ficção científica, portanto não faço ideia de como ele poderia pensar nesses conceitos numa possível "ilusão". E o mudinho ajuda ainda mais a verossimilhança da história.

 No.224

>>221
Conheço uma depósito que diz que uma vez alienígenas se hospedaram na casa dela e que viviam só do sol.
Mas ela trabalha em farmácia, vai ver decidiu tomar alguns remédios.

 No.275

>>220
Suas respostas são muito boas, anão! Percebo que você fala com sabedoria.
Se for possível, poderia me informar como obter Ayahuasca? Eu não faço parte de nenhum grupo, preciso estar inserido num para conseguir? Algum link para comprar? Obrigado.

 No.281

>>275
É bem fácil, anão, só use o google e achará.

 No.289

Todas essas perguntas do greentext são você que responde ou decide não responder. Cada um vai te falar a própria verdade, mas é impossível provar a maioria delas. Quanto ao ocultismo, é como sempre falam, sem acreditar não funciona, o máximo que pode fazer é seguir os passo que cada sistema de crença te dá e ver se funciona. (Aí falo de meditação, alimentação, coisas do tipo, não vá dar seu dinheiro pra padres malucos.)

 No.295

Ian Curtis

 No.309

Me assemelho em algumas coisas que você digitou.
Eu já consegui sair do corpo conscientemente, não foi aquela fantástica viagem astral, mas saí e fui a lugares que já faziam meses que eu não visitava, e quando retornei ao corpo eu resolvi ir lá para constatar os objetos, as pessoas, tudo estava lá exatamente como eu tinha visto minutos antes em "espírito". A técnica que usei foi aquela que o falecido professor Ademar Ramos explicou em um dos vídeos que tem no Youtube em que ele é entrevistado por dois homens, muito simples e deu certo.

Recomendo também você a assistir os vídeos das pessoas que tiveram experiências de quase morte no canal no Youtube: AFINAL, O QUE SOMOS NÓS? / AFTER ALL, WHAT ARE WE? as pessoas são entrevistadas por físico e médicos se não me engano.

Resumindo, acredito que estamos nesta realidade só de passagem e após a morte existe algo a mais.

Espero que tenho ajudado de alguma forma.



[Voltar][Vá para o topo] [Catalog] [Post a Reply]
Deletar Mensagem [ ]
[ busca ] [ b / mod / d ] [ cri / mu / lit / comp ] [ tv / an / jo / occult / k ] [ porn / tr ] [ tudo / banlist / arquivo ] [ regras / faq / biblioteca ]